No mês de aniversário, informações preliminares de uma pesquisa aplicada durante a pandemia, foi ferramenta para publicação

"Trabalho Remoto, Saúde docente e greve virtual em cenário de pandemia"

“Trabalho Remoto, Saúde docente e greve virtual em cenário de pandemia”

Ter uma divulgação pela revista Trabalho, Educação e Saúde (RVTES) é chancelar o reconhecimento da comunidade científica. No mês em que o Sindicato dos Professores de Macaé e Região celebra 26 anos de luta e militância a favor dos direitos trabalhistas dos educadores, a RVTES publicou um ensaio utilizando dados de uma pesquisa aplicada no auge da pandemia da Covid-19.

Sob o título “Trabalho remoto, saúde docente e greve virtual em cenário de pandemia”, o ensaio teve informações da pesquisa produzida pelo Cesth – Centro de Estudos de Saúde do Trabalhador e Ecologia Humana, Ensp – Escola Nacional Sergio Arouca, Fiocruz e Sindicato dos Professores de Macaé e Região – Sinpro, aplicada pela Dra Kátia Reis.

A pesquisa foi aplicada por meio de encontros on-line junto ao professorado das escolas particulares que atuam nos municípios de Macaé, Rio das Ostras, Casimiro de Abreu, Rio Bonito, Silva Jardim, Carapebuss, Conceição de Macabu e Quissamã, que participaram de forma voluntária.

A publicação aponta e problematiza a relação dos educadores mediante a transformação rápida e urgente no modelo pedagógico de ensino, que passava a ser via plataformas digitais, e sua relação com a saúde e a vida.

Para a presidente do Sinpro, Guilhermina Rocha, esta publicação reafirma o compromisso do Sinpro que durante todo ano defende a vida e os postos de trabalho dos educadores. “Esta preliminar da pesquisa mostra as principais pautas que a gente vem lutando e combatendo. Além da defesa dos direitos dos trabalhadores, prezamos em todo tempo pela saúde e a condição de trabalho. Reprimimos a pecariação do serviço, a exploração e o assédio moral. Todas estas questões ilustradas no ensaio nos traça o caminho para que educadores não passam por esta exploração tão comum nesta era do novo liberalismo”, disse.

Para quem não sabe do que se trata um ensaio acadêmico, é um texto para discutir determinado tema de relevância científica com base teórica em pesquisas, livros, revistas, artigos publicados, entre outros. Uma modalidade comum na academia, especialmente nas áreas de Ciências Humanas.

A autoria do trabalho é da responsabilidade dos pesquisadores do Cesteh, Fiocruz, e dos diretores do Sindicato dos Professores de Macaé e Região. Os interessados têm acesso ao texto a íntegra por meio do portal do Sinpro através do link http://www.sinpromacae.com.br/trabalho-remoto-saude-docente-e-greve-virtual-em-cenario-de-pandemia/

PUBLICAÇÃO – O ensaio problematizou mudanças ocorridas no trabalho dos docentes, que passaram a lecionar remotamente, e a relação deles com a saúde no contexto da pandemia. Ele apresenta novas formas de resistências e organização coletiva, como a greve virtual, do ponto de vista dos próprios professores, em exercício de direção sindical. Quatro pontos foram abordados: trabalho docente em tempos de isolamento social; mudanças no processo e na organização do trabalho; aspectos geracionais e questões de gênero; saúde docente, resistências e greve virtual.

A publicação também pontua o tipo de atividade de ensino por meio de plataformas e outros recursos digitais, se constitui como uma configuração atual do trabalho e faz uso exacerbado da tecnologia, articulando novos modos de controle, extração de sobretrabalho e do mais-valor social.

O ensaio também questiona a relação dos professores com idades mais avançadas com o uso tecnológico e sua linguagem.


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/sinpromacaecom/public_html/wp-includes/functions.php on line 5107

Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (1) in /home/sinpromacaecom/public_html/wp-includes/functions.php on line 5107